Share |

COMUNICADO AOS PORTIMONENSES

COMUNICADO AOS PORTIMONENSES

O Bloco de Esquerda votou contra a Taxa de Proteção Civil e defende a sua revogação imediata!

O que se passa no concelho de Portimão é inadmissível, muito injusto e penalizador para as suas populações. Já vivemos uma grave crise social e económica, com elevados índices de desemprego e de pobreza, impostos sem conta, roubos nos salários, subsídios e pensões, devido às políticas de desastre nacional praticadas pelo governo PSD/CDS. Agora temos uma nova taxa no concelho, como a Taxa Municipal de Proteção Civil – e que nem os Bombeiros escaparam – aprovada pela aliança PS/PSD que governa a Câmara de Portimão.

O Bloco de Esquerda é frontalmente contra esta nova taxa e votou contra a mesma e o seu Regulamento, tanto em reunião de Câmara (Dezembro de 2013), como na Assembleia Municipal (Novembro de 2012 e Dezembro de 2013), no anterior e no atual mandato. Os Portimonenses já pagam o IMI, a Derrama e o IRS à taxa máxima e será assim nos próximos 30 anos – uma tragédia! Em Setembro passado o Bloco apresentou uma proposta para baixar o IMI e a Derrama, o que aliviaria as famílias e os pequenos empresários, mas tanto o PS como o PSD, com o apoio do CDS/Servir Portimão votaram contra! E na reunião de Câmara de 7 de Outubro o Vereador do Bloco de Esquerda apresentou uma proposta para a revogação imediata da Taxa de Proteção Civil, a qual foi chumbada pela coligação PS/PSD.

Os Portimonenses não são culpados pelas enormes dificuldades financeiras em que se encontra o Município, fruto do desvario despesista e da gestão ruinosa do PS ao longo das últimas décadas. Os Portimonenses têm de lutar para derrotar mais uma taxa absurda, injusta e mais penalizadora das suas vidas. Apela-se a que participem em todos os protestos contra a taxa.

A próxima manifestação de protesto contra a Taxa Municipal de Proteção Civil é já na próxima terça-feira, dia 14 de outubro, pelas 16.00 horas, frente à Câmara Municipal, sob o lema O TACHO CONTRA A TAXA! PARTICIPA!